sexta-feira, 10 de março de 2017

Livro A Coragem de Crescer, Maria Dinorah


"Estou no divã.
Minha psiquiatra e seus olhos de lagoa. Seus cabelos de palha. Seu blusão neutro.
E eu a vasculhar o meu passado.

Sou feto.
Lembro-me disso ou me invento?
A lagoa de seus olhos me leva àquele primeiro " habitat". Água.
Sim, estou naquela água tépida, aconchegante, e giro devagar.
Tudo é tranquilo, menos quando minha mãe chora. Aí eu sinto dor. Eu estou nela tão íntimo, e a sinto e me sinto.

Um dia o terremoto assola o útero.
Os tecidos tremem e sua forte cascata parece explodir.
Procuro a saída como um desesperado.
Meus gritos _ os primeiros _ trazem o imenso susto do mundo.
Luzes e gentes me cercam. Sorrisos também.
Sou um menino e acabo de nascer."

Livro A Coragem de Crescer
Maria Dinorah
Ilustrações Claudia Scatamacchia

Boas leituras!

Nenhum comentário:

Postar um comentário